Estimulação Magnética Transcraniana

EMTRA Estimulação Magnética Transcraniana repetitiva, é uma técnica neurofisiológica,aprovada pelo Conselho Federal de Medicina,utilizada para o tratamento da depressão e alucinações auditivas.Pesquisas estão sendo feitas e os resultados são promissores no tratamento para dependentes de cocaína.Várias pesquisas científicas em andamento, tem mostrado boas possibilidades desse tratamento também ser útil em vários outros problemas, como o autismo, o transtorno obsessivo-compulsivo, o transtorno do pânico e a doença de Parkinson. Pesquisas também estão sendo feitas com a Doença de Alzheimer e quadros de dores crônicas.

A EMTr é aplicada colocando uma espiral metálica envolta em plástico (bobina) sobre a cabeça para emissão de pulsos magnéticos que atuam sobre o cérebro de maneira focalizada. Dependendo da freqüência utilizada, os estímulos podem aumentar ou diminuir a atividade da área cerebral atingida e, assim, pode-se aplicar terapeuticamente modulando (equilibrando) o funcionamento neuronal de acordo com o problema apresentado.

Há 10 anos,vem sendo usada no campo da psiquiatria, principalmente no tratamento dos quadros de depressão. Em virtude da facilidade do tratamento e dos resultados obtidos na depressão-equivalentes aos das demais modalidades, mas com a vantagem de não apresentar efeitos colaterais, observou-se nos últimos anos a multiplicação de centros médicos e de pesquisa em estimulação magnética cerebral nos mais respeitados centros universitários ao redor do mundo. A EMTr esta aprovada para uso clinico em diversos países como Estados Unidos, Canadá, Austrália, Israel e inclusive no Brasil.

EMT

É uma técnica segura e não provoca efeitos colaterais significativos desde que sejam seguidas as normas internacionais de segurança. Apenas 3% dos pacientes referem dor de cabeça (nas primeiras aplicações). Há relato de casos de convulsões provocadas pelo tratamento, mas apenas quando as normas de segurança não são seguidas ou quando o paciente tem um limiar convulsígeno muito baixo. A EMTr é um método praticamente inócuo que pode ser utilizado com segurança em situações clínicas específicas nas quais o uso de antidepressivo pode acarretar conseqüências indesejáveis e arriscadas ou mesmo ser contra-indicado, como, por exemplo, durante a gravidez ou no pós-parto. Considerando esta questão um recente estudo publicado por Nahas e cols. descreveu o primeiro relato da aplicação da EMTr em paciente gestante demonstrando sua eficácia, tolerabilidade e segurança, merecendo posteriores replicações para consolidar o uso da técnica nesse tipo de paciente.

Nahas Z; Bohning DE; Molloy MA; Oustz JA; Risch SC; George MS. Safety and feasibility of repetitive transcranial magnetic stimulation in the treatment of anxious depression in pregnancy: a case report. J Clin Psychiatry 1999 Jan;60(1):50-2

O paciente senta-se numa poltrona reclinável e recebe os estímulos durante aproximadamente 20 minutos, permanecendo acordado e sem necessidade de uso de medicações. Há um ruído (estalido do tipo “click”) associado com a passagem da corrente através da bobina, mas o efeito do campo magnético e da indução da corrente no cérebro não é doloroso. Terminada a sessão, o paciente pode ir tranquilamente para casa ou para o trabalho, dirigindo seu carro. O tempo de tratamento varia de acordo com a patologia (quadro clínico). Para quadros depressivos fazem-se pelo menos 5 sessões semanais, numa média de 20 sessões. Para zumbidos e alucinações auditivas, costumam ser necessárias 10 sessões. A experiência tem mostrado que a EMTr é superior aos medicamentos antidepressivos no tratamento de quadros depressivos graves e inferior ao ECT (eletroconvulsoterapia), mas sem os inconvenientes desta (déficit de memória, anestesia geral, preconceito, etc).

Veja Também

José Mól

Atua como médico em consultório privado, com ênfases nas áreas de PSIQUIATRIA e MEDICINA do SONO e faz palestras sobre o assunto, em congressos nacionais e internacionais e em instituições públicas e privadas.

Contato

Belo Horizonte:
31-3283-9922 | 31-9988-1661.
Ipatinga:
31-3824-8405 | 31-9988-1661.

Não atendemos convênios

Nome
Telefone *
E-mail *
Mensagem *